conteudo-online

3 dicas que facilitam a criação de conteúdos digitais para a sua empresa

Muitas pessoas procuram por uma fórmula para criar bons artigos online, mas a verdade é que isso não existe. Conhecer a área de atuação da empresa, o público que ela atende e estudar o desenvolvimento do trabalho são atitudes fundamentais para a criação de conteúdos digitais.

Não é à toa que as empresas desejam melhorar a produção de seus conteúdos digitais, uma vez que a informação por este meio cresce mais a cada ano e é um forte elemento para a marca se destacar no seu mercado e na internet.

Para criar bons conteúdos não existe uma fórmula pronta, mas alguns planejamentos ajudam a equipe de comunicação a chegar neste caminho. Veja 3 dicas para construir materiais relevantes:

1- Conhecer o público que deseja atingir

Antes de criar o seu texto, pense para quem você vai escrever e o que essa pessoa deseja saber. Para ter relevância, é preciso ser de interesse de seu público, clientes e leads, caso contrário, não terá serventia para quem você deseja atingir. Essa informação deixará muito mais fácil a escolha da abordagem de seus conteúdos.

2- Escolha as mídias de divulgação

Atualmente, a maior parte das pessoas se relaciona com suas marcas pelas plataformas digitais. É importante estar presente nestas mídias, mas não é necessário estar em todas.

Antes de criar sua página em uma rede social, procure saber em quais estão presentes o seu público-alvo. O Facebook é democrático, pessoas de todas as idades têm conta lá, mas outras, como Instagram e LinkedIn têm propostas bem diferentes. E mesmo se suas personas estiverem em mais de uma, é preciso adequar a linguagem para cada, pois algumas têm o tom mais descontraído, outras, mais formal.

3- Abordagens dos conteúdos

Independentemente da área de atuação da empresa, é possível abordar diversos temas para variar os materiais publicados. Fale sobre os produtos, serviços, visão e valores da marca, dicas de boas práticas, novidades, assuntos relacionados ao setor, entre outros.

Os temas podem ser usados no blog e nas redes sociais, adequando a linguagem para cada plataforma. O texto deve ter uma leitura de fácil compreensão e com parágrafos não muito compridos. É interessante usar um formato próprio de linguagem, para que seja reconhecido pelo público.

Com informações do AdNews

0 comentários

Faça seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *