Especialista aponta tendências de negócios digitais para 2016

Montar um negócio próprio é o desejo de muitas pessoas. E a internet é, cada vez mais, um terreno propício e lucrativo para empreender. Mas será que 2016 será um ano indicado para isso, com o País atravessando esse momento turbulento? Se ainda assim valer a pena investir, quais são os nichos promissores?

Especialista em empreendedorismo digital, Alan Pakes reforça a tese de que momentos de crise são grandes oportunidades para empreender.

“Quem entender mais profundamente as demandas novas que surgirem do público pode se beneficiar. Por exemplo, quem vende cursos preparatórios para concursos públicos pode crescer neste momento em que as pessoas perdem ou temem perder seus empregos.”

Organizador do recém-lançado livro “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente), Pakes lembra uma grande vantagem dos negócios online: “A possibilidade de mudar rapidamente a configuração do empreendimento é muito maior do que em negócios físicos”.

Lado emocional

Em períodos de crise, as pessoas ficam mais sensíveis emocionalmente. Por isso, o especialista recomenda que o empreendedor se aproxime do público. “Deve-se dialogar, entender as necessidades, demonstrar empatia, se apresentar como um ponto de apoio. No meu negócio, sinto que as pessoas estão aflitas. Toda vez que eu demonstro mais carinho e atenção, mais elas se engajam e confiam no que forneço.”

Ainda segundo Pakes, áreas como concursos públicos, desenvolvimento pessoal e saúde devem crescer. “O primeiro é pelo anseio de estabilidade e segurança no momento que vivemos. Os outros dois, além de também serem impulsionados pela crise, já vêm em alta nos últimos anos”, finaliza o fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

Livro e portal

Para quem quer se aprofundar neste universo, foi lançado recentemente o livro “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente). Logo nas primeiras semanas, a obra apareceu em rankings importantes, como da Folha de S.Paulo, Veja e Publish News.

Além de Pakes, a publicação tem os seguintes coautores: Conrado Adolpho, Jober Chaves, Victor Damásio, Bruno Juliani, Ricardo Piovan, Henrique Carvalho, Samuel Pereira, Ramon Tessmann, Hugo Rocha, Maicon Rissi, Rogerio Job, Rafael Albertoni, Felipe Pereira, Erico Rocha, André Lima, Bruno Gimenes e Christian Barbosa.

Outra novidade é o portal www.livronegociosdigitais.com.br, uma extensão do livro. A página traz as respostas de dúvidas comuns de quem pensa em se tornar um empreendedor digital, além de diversos materiais gratuitos sobre o assunto.

Sobre Alan Pakes

Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002. É empreendedor e já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

O CONAED foi o primeiro congresso online do Brasil e teve sua primeira edição em setembro de 2013. A proposta é ajudar pessoas a alavancar um negócio existente ou a criar um negócio do zero com o poder da internet.
Alan ensina empreendedorismo e é expert em Marketing Digital.

Adicionalmente ao CONAED, ele já fez diversos lançamentos de produtos digitais pela internet.

www.conaed.com.br

Assessoria de imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Portal traz orientações gratuitas para criar um negócio online de sucesso

O empreendedorismo digital vem ganhando cada vez mais força no Brasil. Não são raros os profissionais que largaram suas carreiras tradicionais para trabalhar exclusivamente pela web, além das empresas que levaram seus negócios físicos para o ambiente online e aumentaram seus lucros.

Mas como fazer para entrar neste promissor universo? Como criar os chamados infoprodutos? Como divulgá-los e atingir os potenciais clientes? Como se tornar uma autoridade na internet e ter grande audiência no site, nas redes sociais e no YouTube?

Para responder essas dúvidas, o especialista em empreendedorismo digital Alan Pakes criou o portal www.livronegociosdigitais.com.br, com diversos materiais gratuitos sobre o assunto. Trata-se de uma extensão do recém-lançado livro “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente), que teve Pakes como organizador e outros 17 co-autores.

“A ideia foi centralizar, num portal, materiais extremamente ricos e úteis para quem quer ingressar neste mercado. Tem até um curso de como criar uma lista de emails e se relacionar com essas pessoas, o que pode alavancar os resultados de qualquer negócio”, explica o idealizador.

Na página também são encontrados vídeos, cursos, glossário e uma lista com respostas das perguntas mais frequentes. Quem adquirir o livro ainda terá acesso a bônus exclusivos.

O livro

O sucesso precoce da obra foi comprovado com a aparição em rankings importantes, como da Folha de S.Paulo, Veja e Publish News.

Além de Pakes, o livro “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” tem os seguintes coautores: Conrado Adolpho, Jober Chaves, Victor Damásio, Bruno Juliani, Ricardo Piovan, Henrique Carvalho, Samuel Pereira, Ramon Tessmann, Hugo Rocha, Maicon Rissi, Rogerio Job, Rafael Albertoni, Felipe Pereira, Erico Rocha, André Lima, Bruno Gimenes e Christian Barbosa.

Ficha técnica

Título: Negócios Digitais
Subtítulo: Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios

Organizador: Alan Pakes

Selo: Gente

ISBN: 978-85-452-0059-8

Formato: 16 x 23 cm

Páginas: 224

Gênero: Administração/negócios empreendedorismo

Preço de capa: R$ 39,90

À venda nas principais livrarias e pelo site www.conaed.com.br

Sobre Alan Pakes

Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002. É empreendedor e já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

O CONAED foi o primeiro congresso online do Brasil e teve sua primeira edição em setembro de 2013. A proposta é ajudar pessoas a alavancar um negócio existente ou a criar um negócio do zero com o poder da internet. Alan ensina empreendedorismo e é expert em Marketing Digital.

Adicionalmente ao CONAED, ele já fez diversos lançamentos de produtos digitais pela internet. www.conaed.com.br.

Assessoria de imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Best-seller de Alan Pakes comprova interesse do brasileiro em empreender online

Ter um negócio online já faz parte da vida de muitos brasileiros. E quem ainda não ganha dinheiro trabalhando pela internet se prepara para isso. O sucesso do livro recém-lançado “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente) comprova o interesse no assunto.

Nas livrarias há pouco mais de um mês, a obra organizada por Alan Pakes, especialista em empreendedorismo digital, já virou best-seller. Ela aparece atualmente entre as mais vendidas de rankings importantes, como da Folha de S.Paulo (2º lugar na categoria “Prática e Pessoas” – na semana passada, esteve em 1º), Publish News (2º lugar em “Negócios”) e Veja (8º em “Autoajuda”).

“O sucesso do livro é mais um indicador que o empreendedorismo online deixou de ser uma promessa e virou realidade. E o fato de algumas pessoas estarem ganhando muito dinheiro inspira quem ainda está fora”, afirma Pakes.

A obra conta com 18 coautores, que abordam os caminhos que perseguiram até o sucesso online. São eles: Conrado Adolpho, Jober Chaves, Victor Damásio, Bruno Juliani, Ricardo Piovan, Henrique Carvalho, Samuel Pereira, Ramon Tessmann, Hugo Rocha, Maicon Rissi, Rogerio Job, Rafael Albertoni, Felipe Pereira, Erico Rocha, André Lima, Bruno Gimenes e Christian Barbosa, além de Alan Pakes.

Boom do empreendedorismo online

O crescimento dos negócios pela web está intimamente ligado ao aumento, a cada ano, do número de e-consumidores (pessoas que já fizeram pelo menos uma compra pela internet). Em 2009, segundo a E-bit Informação, eram 17,6 milhões de e-consumidores no Brasil. No ano passado, os números alcançaram 63 milhões – um aumento de 11,7 milhões comparado a 2013.

Entre os diversos produtos digitais comercializados estão: e-books, cursos de idiomas, programas de emagrecimento, consultorias, congressos e palestras.

Ficha técnica

Título: Negócios Digitais
Subtítulo: Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios

Organizador: Alan Pakes

Selo: Gente

ISBN: 978-85-452-0059-8

Formato: 16 x 23 cm

Páginas: 224

Gênero: Administração/negócios empreendedorismo

Preço de capa: R$ 39,90

À venda nas principais livrarias e pelo site www.conaed.com.br

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Artigo: Descubra o que impede seu sucesso no empreendedorismo digital

Por Alan Pakes*

A força da internet e toda a filosofia do empreendedorismo e marketing digital têm gerado enormes resultados, em curtíssimo espaço de tempo, com pouquíssimo investimento financeiro necessário.

O movimento envolto nesse processo online quebra muitos paradigmas, formas antigas de construir um negócio que funcionaram por muito tempo, mas que começaram a ficar ultrapassadas com a evolução das comunicações e dos relacionamentos entre as pessoas. Na verdade, são muitas coisas óbvias, mas que a maioria das pessoas não enxerga até que “caia a ficha”.

Entretanto, nem todo mundo tem resultados com o empreendedorismo digital. Isso acontece por alguns motivos, como a falta de ação. Se o dono do negócio não age, é impossível gerar resultado. É preciso aprender sobre esse universo online e colocar em prática, o quanto antes! Mesmo que não se sinta pronto, mesmo que não saiba tudo, a hora de começar é agora!

Outros fatores que impedem o sucesso são a desorganização e a falta de foco, de perseverança e de persistência. Napoleon Hill, autor de Quem pensa enriquece, estudou por 25 anos as pessoas mais ricas para descobrir o que elas tinham em comum. Ele descobriu que só se alcança o sucesso com muita persistência. Insista e você já está já caminho certo.

O fracasso não é o oposto do sucesso, mas, sim, parte do caminho para o sucesso. Isso acontece com todo mundo que inicia uma nova jornada. Cair faz parte do processo de aprender a andar. Toda criança sabe disso. Quando cair, aja como uma criança, levante-se e continue.

No caminho para o sucesso como empreendedor, você enfrentará muitos desafios, incluindo a resistência de pessoas ao seu redor. Isso acontece porque vocês e eu, que somos empreendedores, não pensamos como a grande maioria, pois elas querem ter segurança, precisam ver para crer.
Enquanto isso, nós, empreendedores, agimos de outra forma. Nós temos a coragem de assumir os riscos. Isso, na verdade, nos estimula. Nós não precisamos ver para crer, nós precisamos crer para ver. Somos visionários.

* Alan Pakes é organizador do livro “Negócios digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios”, empreendedor, expert em Marketing Digital e fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital). www.conaed.com.br

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Especialista detalha 3 formas de atuação no empreendedorismo digital

Ter um negócio online virou objetivo de muitos brasileiros. O desejo está fundamentado em números impressionantes. No ano passado, o e-commerce no País movimentou R$ 39,5 bilhões e registrou um crescimento de 27% se comparado a 2013. No total, 57 milhões de consumidores compraram produtos e serviços na internet em 2014.

Mas como aproveitar essa onda em constante crescimento? O que vender pela web? Como fazer? Especialista no assunto e um dos coautores do recém-lançado “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente), Victor Damásio explica no livro que existem três maneiras para trabalhar no empreendedorismo digital.

“A primeira é como produtor, com a transformação do seu conhecimento e expertise em um curso ou e-book, por exemplo. Outra possibilidade é como afiliado, na qual você comercializa produtos e serviços já prontos de outras pessoas e recebe comissões. E a terceira é onde você coloca a mão na massa e atua de forma direta no seu cliente final, provocando a transformação. Você oferece o serviço que já presta no mundo offline também no mundo online, seja você um terapeuta, um coach ou um consultor”, afirma.

Para quem pretende entrar agora no empreendedorismo digital e ainda não sabe de que forma atuar, o especialista sugere que experimente as três opções. “Assim, você descobrirá em qual delas se encontra, em qual mais gosta de atuar. É possível construir um negócio se especializando em uma maneira ou misturando duas ou até as três. Não existe apenas um caminho certo.”

Veja as vantagens e desvantagens de cada forma de atuação e que estão detalhadas no livro “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios”:

Produtor:

– Prós: maior margem de lucro; controle total: preço, formato, entrega, desconto, oferta, disponibilidade no mercado, parcerias.

– Contras: suporte ao cliente; maior compromisso com a entrega.

Afiliado:

– Prós: não é preciso elaborar o produto, basta indica-lo; rapidez e simplicidade na negociação.

– Contras: falta de controle e menor flexibilidade; risco de o produtor não atender às expectativas que você gera em sua audiência; distanciamento da transformação obtida pelo cliente.

Prestador de serviço:

– Prós: cobrar mais caro pelo serviço; recompensador pelo contato imediato com o cliente; impacto direto nas pessoas e indireto por poder ajudar também a família e os clientes de seus clientes.

– Contras: vender hora; trocar tempo por dinheiro; clientes chatos; maior compromisso e responsabilidade direta; lidar com inadimplência.

Victor Damásio lembra que, para ter sucesso online, o empreendedor não deve pensar somente em ganhar dinheiro. “É preciso, antes de qualquer coisa, gerar valor. Deve-se ajudar a pessoa a alcançar algum resultado específico, melhorar seu desempenho, gerar uma mudança real para aquela pessoa. E, se fez corretamente, ou seja, gerou transformação, ainda pode ser (bem) remunerado por isso.”

Ficha técnica do livro

Título: Negócios digitais
Subtítulo: Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios
Organizador: Alan Pakes
Selo: Gente
ISBN: 978-85-452-0059-8
Formato: 16 x 23 cm
Páginas: 224
Gênero: Administração/negócios empreendedorismo
Preço de capa: R$ 39,90
À venda nas principais livrarias e pelo site www.conaed.com.br

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

“Lista” é peça-chave para sucesso de um negócio digital, diz especialista

Ganhar dinheiro pela internet, seja através da venda de produtos ou serviços, é o sonho de muitas pessoas. Entretanto, poucos se atentam a um item que diferencia um negócio digital de sucesso: a chamada “lista”.

“Trata-se dos contatos das pessoas com quem você se relaciona. É na lista que você organiza os clientes, os prospects, e investe seu tempo para intensificar o relacionamento com quem já compra ou pode comprar de você”, afirma Alan Pakes, organizador do livro recém-lançado “Negócios Digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios” (editora Gente).

A lista começa a ser construída no momento em que o empreendedor desperta a atenção das pessoas certas para o seu negócio. “Nada adianta atrair multidões se elas não possuem a necessidade a que seu produto ou serviço atende”, explica Pakes.

Fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital), o especialista ressalta também a importância de construir um relacionamento com os integrantes da lista. É isso que gera um gigantesco poder do mailing.

“As pessoas compram muito mais de quem confiam. E a confiança é maior naquelas com as quais já possuem uma relação, com quem conversam. Em um mundo tão repleto de informações e ofertas, é o relacionamento bem-feito que gera confiança e reciprocidade, diferencia você da concorrência e cria inúmeras oportunidades.”

Pakes destaca ainda que a lista, quando bem cuidada, proporciona ao empreendedor descobrir as necessidades das pessoas e solucionar os problemas delas. Consequentemente, as vendas serão “automáticas”.

“Em vez de você desperdiçar tempo, dinheiro e energia tentando empurrar produtos que seus clientes não querem, a lista lhe antecipa o que as pessoas precisam. E, então, você cria ou busca no mercado o produto ou serviço certo para vender. Como resultado, seus clientes vão comprar de você e admirá-lo, pois a satisfação deles será enorme.”

Ficha técnica do livro

Título: Negócios digitais
Subtítulo: Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios
Organizador: Alan Pakes
Selo: Gente
ISBN: 978-85-452-0059-8
Formato: 16 x 23 cm
Páginas: 224
Gênero: Administração/negócios empreendedorismo Lançamento: Setembro de 2015
Preço de capa: R$ 39,90
À venda nas principais livrarias e pelo site www.conaed.com.br

Sobre Alan Pakes

Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002, e organizador do livro “Negócios digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios”.

É empreendedor e já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

O CONAED foi o primeiro congresso online do Brasil e teve sua primeira edição em setembro de 2013. A proposta é ajudar pessoas a alavancar um negócio existente ou a criar um negócio do zero com o poder da internet.
Alan ensina empreendedorismo e é expert em Marketing Digital.

Adicionalmente ao CONAED, ele já fez diversos lançamentos de produtos digitais pela internet. www.conaed.com.br.

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Com experts, livro desvenda segredos e mostra como ter um negócio digital de sucesso

Ter um negócio (e lucrar muito!) pela internet já é uma realidade para alguns. Agora, com o boom do empreendedorismo online no Brasil, muitos querem fazer parte deste grupo. Mas como ter sucesso e ganhar dinheiro na web? Como usar a rede mundial para expandir um negócio? Por onde começar? Como criar uma empresa online?

Para responder essas dúvidas e até revelar os segredos de quem já está faturando muito no mundo digital, o especialista Alan Pakes, um dos mais renomados profissionais desta área no País, acaba de lançar o livro “Negócios digitais – Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios”.

Com selo editorial da Gente, a obra conta com 18 coautores, que abordam os caminhos que perseguiram até o sucesso online. São eles: Conrado Adolpho, Jober Chaves, Victor Damásio, Bruno Juliani, Ricardo Piovan, Henrique Carvalho, Samuel Pereira, Ramon Tessmann, Hugo Rocha, Maicon Rissi, Rogerio Job, Rafael Albertoni, Felipe Pereira, Erico Rocha, André Lima, Bruno Gimenes e Christian Barbosa.

Fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital) – primeiro evento online realizado no Brasil, em 2013 -, Pakes afirma que maioria das pessoas que usam a web hoje para vender produtos e serviços está fazendo da maneira errada.

“A ideia do livro é mostrar que é possível, sim, criar negócios rentáveis com pouquíssimos recursos iniciais. E essa possibilidade está ao alcance de qualquer pessoa empreendedora. Os cases dos coautores certamente servirão de inspiração para os leitores”, afirma o organizador da obra.

Entre os temas abordados estão:

– O mindset dos empreendedores

– Como e por que construir sua lista de e-mails e cuidar bem dela

– Como transformar seu conhecimento em produto

– Como conquistar audiência pelo Google e pelo Facebook

– Como se relacionar com seu público

– Como criar um script de vendas on-line

– Como monitorar seu trabalho para saber se está no caminho certo

– Como fazer um ano de vendas em sete dias

Ficha técnica
Título: Negócios digitais
Subtítulo: Aprenda a usar o real poder da internet nos seus negócios

Organizador: Alan Pakes

Selo: Gente

ISBN: 978-85-452-0059-8

Formato: 16 x 23 cm

Páginas: 224

Gênero: Administração/negócios empreendedorismo Lançamento: Setembro de 2015

Preço de capa: R$ 39,90

À venda nas principais livrarias e pelo site www.conaed.com.br

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Empreendedores digitais ganham dinheiro com suas experiências de vida

Em ascensão no Brasil, o empreendedorismo digital vem despertando cada vez mais a atenção de pessoas que sonham em ter sucesso pela internet. E um dos atrativos é a real possibilidade de ganhar dinheiro com as próprias experiências de vida e expertise.

Hoje, os chamados infoprodutos de maior destaque são ebooks e vídeo-aulas/palestras. E o conteúdo desses materiais geralmente são os aprendizados que o produtor teve ao longo dos anos, assim como os problemas que enfrentou e as soluções que criou.

“As histórias de vida geram produtos maravilhosos. Poder compartilhar isso na internet, ajudando e fazendo as diferença para as pessoas, é maravilhoso”, afirma Alan Pakes, fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

De acordo com o especialista, os ebooks, vídeo-aulas e outros materiais devem ter sintonia com o criador. “Sem isso, o produto tem grandes chances de fracassar. É preciso focar em algo que você tenha paixão e seja bom.”

Segundo Pakes, trabalhar com temas nos quais haja afinidade facilitará até o processo de criação de novos infoprodutos. “Haverá uma maior capacidade e vontade de apresentar soluções para as pessoas. E isso é meio caminho para o sucesso”, finaliza o fundador do CONAED.

Sobre Alan Pakes

Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002. É empreendedor e já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

O CONAED foi o primeiro congresso online do Brasil e teve sua primeira edição em setembro de 2013. A proposta é ajudar pessoas a alavancar um negócio existente ou a criar um negócio do zero com o poder da internet. Alan ensina empreendedorismo e é expert em Marketing Digital.

Adicionalmente ao CONAED, ele já fez diversos lançamentos de produtos digitais pela internet. www.conaed.com.br.

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Artigo: Práticas para se relacionar e vender através das redes sociais

* Por Alan Pakes

A internet é um ótimo lugar para quem quer apresentar e compartilhar seus produtos e serviços. Liberdade, baixo custo e praticidade são apenas algumas das qualidades de se usar a internet para vender. Porém, isso é acompanhado de um aspecto negativo e que aterroriza a maior parte dos empreendedores: alta concorrência.

Justamente pela facilidade em vender e anunciar nas mídias sociais, muitas pessoas optam por esse caminho e é cada vez mais trabalhoso manter os fãs interessados e supridos de conteúdo. Se você não estiver atento às mídias, se não postar com frequência nem estiver de olho nas tendências, é provável que seus fãs migrem para outros vendedores que atuam com mais força ou maior persuasão.

Mas não se desespere! Existem algumas práticas que podem te ajudar a manter seu espaço e ainda vender mais nas mídias sociais.

Planejamento:

Crie uma campanha antes de começar a disseminar seu conteúdo e sua marca na internet. Planeje com detalhes e aborde diferentes possibilidades para não ter o risco de se perder. Decida que mensagem vai passar, seja uma promoção, uma transformação ou um tema para seus fãs participarem do debate.

Não assuma que as qualidades que você quer passar são as mesmas que seus possíveis clientes estão procurando. Você pode achar ideal falar o tanto que você se esforçou para ter esse conhecimento ou todos os estudos que fez e, embora isso seja importante, as pessoas estão querendo saber quais os benefícios para elas e como seu produto vai alterar suas vidas para melhor.

Crie conteúdo que resolva dores menores do seu possível cliente. Dê alguns passos que ele possa aplicar imediatamente e que, de fato, gerem algum resultado. Não espere para falar com seus consumidores apenas quando quiser vender.

Postagens:

Não agende todos os seus posts, muito menos se eles todos tiverem uma mesma mensagem. As pessoas gostam de saber que existe uma pessoa de verdade do outro lado da tela, então poste alguns conteúdos atuais, notícias e outras coisas que mostrem que você está atento ao que acontece e ao que interessa na vida do seu público.

Explore outras maneiras de expor e compartilhar seu conteúdo e seu produto. A melhor maneira é fazer pesquisas e perguntar para as pessoas o que elas gostariam de ver, como gostariam de receber informações, etc. Descubra o que seu público está esperando de você. Para incentivá-los a responder, deixe suas respostas em destaque compartilhando ou retweetando em sua página.

Veja quais os fãs que já falaram de você nas redes ou que elogiaram de alguma forma seu produto ou serviço e dê algo especial para eles, seja um brinde ou um reconhecimento especial. Isso vai incentivar outros a fazerem o mesmo para terem a oportunidade de ter destaque.

Relacionamento:

Não considere as plataformas sociais um lugar para transformar usuários em consumidores (a menos que você esteja apenas anunciando). Essas redes são ideais para engajamento e para construir confiança. É através das redes sociais que você vai mostrar aos seus fãs o que você tem a oferecer e, por isso, deve manter esse relacionamento sempre crescendo.

Crie promoções com prazos específicos, trace estratégias para cada mês e não vincule o mesmo conteúdo de novo e de novo, pois as pessoas buscam diversidade.
Não se esqueça de checar seus dados para saber de onde as pessoas estão vindo para sua página social.

Acompanhe as pessoas que compram de você e faça gestos especiais, como um e-mail de agradecimento, um cupom on-line de desconto ou uma mensagem de agradecimento. Eles ficarão mais propensos a compartilhar com os outros sobre o seu produto e você pode, inclusive, convidá-los a fazer esse compartilhamento.

Você apenas começará a fazer vendas nas redes sociais se criar um ambiente de relacionamento e confiança para seus fãs/seguidores. As pessoas buscam as redes sociais quando querem saber se um produto é confiável. Uma marca que não atue em nenhuma rede, por melhor que seja, ganha olhares de desconfiança e dúvida.

Você deve estar presente e dar conteúdo de qualidade aos seus fãs, independentemente de eles comprarem de você hoje ou daqui um ano. Isso fará toda a diferença e te dará não apenas fãs, mas consumidores dispostos a comprarem tudo que você oferecer.

* Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002, e expert em empreendedorismo e marketing digital. Já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital), primeiro congresso online do Brasil.

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733

Consultor Estratégico de Marketing ganha espaço e vira opção rentável de carreira

O boom dos negócios online vem criando novas oportunidades de carreira e uma delas é a de Consultor Estratégico de Marketing. Profissionais já renomados chegam a cobrar até R$ 30 mil por uma consultoria completa.

“Antes de qualquer empresa ou profissional liberal vender um produto ou serviço online, é preciso estudar muito o mercado, identificar o avatar e descobrir as dores e vontades do público. E é justamente isso que faz o Consultor Estratégico de Marketing Digital”, explica Alan Pakes, um dos mais renomados profissionais desta área.

De acordo com o especialista, o consultor ainda tem que conhecer a fundo cada cliente. “É preciso entender mais sobre o próprio infoprodutor, a empresa para a qual prestará serviço, e saber como eles estão direcionando seus negócios e definindo prioridades.”

A necessidade do consultor fica evidente pelo fato de muitas empresas terem mergulhado no Marketing Digital, para vender cursos online, e-books e outros, mas sem a visão estratégica do marketing.

“Em alguns casos o empreendedor até fez diversos cursos, mas não consegue aplicar nem sabe por onde começar. Além disso, é muito mais fácil traçar e seguir estratégias eficazes quando o negócio não é seu, pois você não tem envolvimento emocional”, completa Alan Pakes, fundador do CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

Serviços

Existem basicamente três tipos de consultoria que podem ser vendidas:

– Diagnóstico: serve para analisar o negócio e identificar qual o problema existente, como baixas vendas por falta de tráfego qualificado ou comunicação deficiente.

– Planejamento: com o diagnóstico em mãos, é preciso planejar as próximas ações, os passos a serem seguidos, inclusive destacando as prioridades. O consultor pode fazer isso tanto através do seu próprio diagnóstico ou dando continuidade a dados que a empresa já havia levantado.

– Execução: também pode ser feita separadamente ou ser a continuação do trabalho do consultor, com acompanhamento de toda a execução do planejamento. É a parte vital do serviço e a fase na qual a maior parte dos empreendedores trava.

“Quem já conhece técnicas do Marketing Digital pode tranquilamente trabalhar como consultor, mas é preciso ter paixão pelo assunto, se atualizar constantemente e vontade de ajudar pessoas”, finaliza Alan Pakes.

Sobre Alan Pakes

Alan Pakes é Engenheiro de Computação, formado pela USP em 2002. É empreendedor e já fundou três companhias: a agência de intercâmbio Invista em Você, a empresa de tecnologia Atrians e a de marketing digital, Digital Summit. Com esta última, organizou o CONAED (Congresso Nacional de Empreendedorismo Digital).

O CONAED foi o primeiro congresso online do Brasil e teve sua primeira edição em setembro de 2013. A proposta é ajudar pessoas a alavancar um negócio existente ou a criar um negócio do zero com o poder da internet.
Alan ensina empreendedorismo e é expert em Marketing Digital.

Adicionalmente ao CONAED, ele já fez diversos lançamentos de produtos digitais pela internet. www.conaed.com.br.

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
www.rztcomunicacao.com.br
almir@rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 e (11) 99628-1733