Artigo: Sua empresa está pronta para aproveitar a retomada da economia?

* Por Manoel Carlos Jr.

Tornar a sua marca apaixonante, queridinha do consumidor. Quem não quer? A briga atual é grande, mas o momento é este! A economia dá os primeiros sinais de uma retomada lenta do crescimento, que pode oferecer inúmeras boas oportunidades num cenário de curto e médio prazo. E você e sua empresa precisam se preparar já!

Com tantas empresas atuando nos mesmos ramos, disputar o coração do consumidor para se tornar a mais desejada é o grande desafio. A causa emocional de uma marca – amor ou paixão pelo que faz e/ou entrega para o cliente – é um fator essencial para uma boa relação entre público e empresa. O respeito pela marca está diretamente ligado às boas emoções e é nisso que aposta o meu conceito Experiencialize!.

Nessa mesma vertente, o respeito está diretamente ligado à manutenção da relação com o consumidor a cada contato, a cada experiência com a marca. Se essa relação falhar, se a experiência com a empresa não for boa, o cliente irá se afastar e procurar uma nova opção com a qual se identificará. A cobrança é grande, mas é possível obter sucesso.

Olhe para o seu consumidor e descubra o que ele deseja. Enquanto seus concorrentes estão pensando de forma racional, siga a intuição. Pense e aja com o coração. Algumas marcas estão aprendendo a agir assim.

Como exemplo do poder dessa relação, podemos citar o caso dos Duocórnios envolvendo a PepsiCo Brasil. Uma garota de nome Julianna mandou um desenho de dois seres mágicos com o nome “duocórnios” à Ruffles e, em troca, pediu a batata sabor costelinha que tinha edição limitada.

A empresa respondeu através da RIOT (agência digital da marca). Eles recriaram os Duocórnios e enviaram com um kit das Ruffles sabor costelinha. Mesmo com a edição não tendo voltado ao mercado por causa do pedido da cliente, a empresa fez uma ação que certamente fará Julianna lembrar positivamente da marca por toda a vida. Isso com um gesto simples, mas de grande valor.

Esse exemplo mostra que nem sempre é possível satisfazer tudo o que o consumidor quer, mas uma resposta com carinho pode transformar a situação de “sem solução” para uma relação de respeito entre cliente e marca. Faça com que as pessoas se mexam pela emoção.

* Manoel Carlos Jr. é especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Artigo: O que empreendedores podem (e devem!) aprender com os Jogos Olímpicos

* Por Manoel Carlos Jr.

Durante os Jogos Olímpicos, fiz questão de ir até o Rio sentir o gostinho da competição e foi realmente uma experiência diferente, marcante. Por isso, quero compartilhar com vocês alguns pontos que considero absolutamente relevantes e pertinentes a milhares de pequenas empresas brasileiras que buscam um lugar ao sol, num mercado cada vez mais acirrado e hostil a amadores.

Profissionalismo: foi-se o tempo em que os Jogos Olímpicos eram disputados por atletas amadores. Hoje, assim como no mercado, a disputa para quem desejar conquistar o pódio é para os que têm muito foco e profissionalismo. É obrigatória uma preparação especial, em todos os aspectos, seja ele físico, mental e técnico, da mesma forma que é para um empresário que precisa se preparar adequadamente nas mais diversas modalidades, como planejamento, gestão administrativa e financeira, RH, marketing, vendas, etc.

Foco: é raríssimo um atleta ser campeão em modalidades esportivas diferentes. Quando muito consegue ser campeão em provas diferentes, do mesmo esporte, e ainda assim só fenômenos, como Phelps e Bolts da vida. Portanto, tenha foco naquilo que você vai competir e entregar para o seu cliente. Isso te possibilitará se preparar e se especializar, sendo, assim, melhor percebido pelos clientes.

Paixão: se com paixão o caminho já é difícil, sem elas, muitas vezes, é impossível. Em todos os relatos dos campeões há algo particularmente comum em suas falas: a paixão pelo esporte que escolheram, sentimento esse que os fazem passarem pelos mais difíceis obstáculos, privações e sacrifícios. Da mesma forma, é o empresário que monta seu negócio. Quando ele é apaixonado pelo que faz, as chances de enfrentar, com sucesso, os obstáculos que virão são muito maiores. Além disso, as chances da torcida e dos consumidores se apaixonarem pela sua causa também serão muito maiores.

Saber contar uma boa história: os Jogos Olímpicos são história pura. Desde a antiguidade há uma narrativa poderosa por trás desse que é o maior evento da humanidade. Uma narrativa de muita superação, de heróis e vilões, de derrotas e conquistas que fazem… História! Saibamos contar a nossa história de maneira interessante e mágica para nossos clientes e teremos grandes possibilidades de subirmos o Olimpo.

Pertencimento: chamou-me a atenção a forma como milhares de voluntários dos Jogos se comportam. Além da paixão pelo esporte, por participar do evento e por servir, há um incrível senso de pertencimento a algo maior, no caso grande mesmo, que é o evento em si. Um exemplo foi a frase que ouvi de um voluntário, que me orientou e disse: “A Família Olímpica lhe dá as boas vindas!”. Bingo! Eu já me senti parte! Que tal fazermos os nossos clientes se sentirem assim também?

Atenção aos detalhes: certamente o mais marcante dos ensinamentos olímpicos é a importância aos detalhes, que separam a glória absoluta do abismo profundo, que separam os campeões dos perdedores. Na maioria das vezes, um detalhe, um mísero detalhe, assim como nos Jogos, separa o sucesso de uma empresa de seu fracasso. Dar máxima atenção aos detalhes pode fazer toda a diferença em tempos de competição extremamente acirrada e clientes cada vez mais exigentes.

Provocar o UAU! Não basta ser campeão, é preciso surpreender sempre! É isso que diferencia um campeão do campeão dos campeões. Eu assisti ao vivo a prova que consagrou definitivamente Usain Bolt como o maior de todos os tempos no atletismo e ali eu percebi o “UAU!” em ação. Além de ganhar a prova e brindar a todos com sua performance de tricampeão, o jamaicano foi além. Ele brincou com os espectadores, interagiu, posou para fotos, fez graça, entregou mais diversão para todos, um verdadeiro artista! Que assim façamos em nossas empresas. Que entreguemos sempre mais aos nossos clientes, de preferência boas emoções, pois essas ficam difíceis de apagar da nossa memória afetiva.

Portanto, deixemos o espírito e os ensinamentos dos Jogos tomarem conta de nossas empresas, para que alcancemos os louros reservados aos verdadeiros campeões!

* Manoel Carlos Jr. é especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil. Autor do livro “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”, é também palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA). 

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e autor do livro “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Orgulho pela empresa potencializa engajamento e retenção de colaboradores

Mais do que fidelizar clientes, as empresas agora lutam pela fidelização de seus colaboradores. Em tempos de turn over cada vez mais acelerado e com os millenials entrando no mercado de trabalho, a retenção dos profissionais virou um dos grandes desafios dos empreendedores.

Especialista e pioneiro no Marketing de Experiência no Brasil, Manoel Carlos Jr. ressalta que o orgulho pela marca e a “experiencialização” são fatores importantes para conseguir manter os talentos nas empresas.

“As pessoas precisam se orgulhar de trabalhar para a empresa. Orgulho é bem melhor do que fidelidade. E ninguém se orgulha do que não conhece ou não compartilha dos mesmos valores”, afirma Manoel Carlos Jr.

Autor do recém-lançado livro “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”, ele ressalta que o Marketing de Experiência, antes de ser levado aos clientes, deve ser colocado em prática para os colaboradores, para o público interno.

“A empresa que faz isso ganha muito. Primeiro porque seus profissionais incorporam muito mais os valores da marca, sentem-se mais identificados com a causa emocional e tornam-se mais leais à instituição. E, assim, podem ajudar a construir uma experiência muito mais rica e verdadeira para os clientes.”

Manoel Carlos Jr. realiza periodicamente um curso chamado Experiencialize Day e leva os participantes para empresas conceito, que são exemplos do bom uso do Marketing de Experiência.

“Nessas visitas técnicas, encontramos muitos colaboradores totalmente engajados em suas empresas e percebemos que a palavra chave deles é orgulho. Eles têm a tão desejada postura de dono.”

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil, criador do termo “Experiencialize” e autor do livro “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região. Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Primeiro livro nacional sobre Marketing de Experiência chega ao mercado

Já consolidado no exterior, o Marketing de Experiência começa a ganhar força no Brasil. E é justamente para falar sobre esse eficaz processo que o especialista Manoel Carlos Junior lança o livro “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”. Trata-se da primeira obra publicada no País sobre o assunto.

A noite de autógrafos será em 19 de julho, a partir das 19h, na Livraria Cultura do Shopping Iguatemi, em São Paulo-SP.

“O livro traz a minha metodologia Experiencialize!, que já venho implantando em diversas empresas. Um conteúdo simples e prático, apresentando uma forma de diferenciação capaz de elevar o padrão de produtos e serviços, bem como mudar completamente a relação de empresas e seus clientes”, explica o autor.

Manoel diz que a base dessa nova estratégia utiliza a emoção e as sensações. “Os 7 passos da experiencialização, podem levar empresas dos mais diferentes tamanhos e ramos de atividade a criar um relacionamento afetivo com seus clientes. Isso muda completamente as percepções em relação às marcas, aumentando o valor percebido e, muitas vezes, a rentabilidade.”

A leitura é indicada a empreendedores e gestores que desejam que suas marcas sejam percebidas como únicas e ganhem cada vez mais relevância num mercado cada vez mais complexo e competitivo.

Serviço:
Título: “Experiencialize! Os 7 passos para transformar produtos e serviços em experiências”
Editora: Gráfica e Editora Santuário
Número de páginas: 104
Valor: R$ 39,00
Onde comprar: http://www.experiencialize.com/

Lançamento:
Data: 19/07/2016
Horário: A partir das 19h
Local: Livraria Cultura do Shopping Iguatemi , na Av. Brigadeiro Faria Lima, 2232, em São Paulo-SP

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

 

Artigo: 7 passos para “experiencializar” seu negócio e encantar os clientes

*Por Manoel Carlos Jr.

Para transformar uma empresa, que vende produtos e serviços comoditizados, em uma “experencializada”, que ofereça experiências para o cliente, é preciso implementar um processo. E não se trata de algo complexo.

O processo é constituído por 7 passos, que são interdependentes e precisam ser aplicados de forma ordenada e consistente. Portanto, não dá para ficar pela metade do caminho, pois isso resultaria uma experiência meia boca e não mudaria sua empresa de patamar.

1) Definir a causa emocional do negócio

Descubra qual o sentimento que cria uma conexão emocional entre a sua empresa e o seu cliente. A paixão por algo pertinente e relevante pode ser um começo. Um bom exemplo pode ser a Harley Davidson, que tem como sua causa emocional a “paixão por liberdade”.

2) “Storytelling”

Saber contar uma boa história necessita de técnicas narrativas, um elemento central para associar sua causa emocional no enredo. Você pode até romancear no uso das palavras, mas nunca mentir. A história deve ser inspiradora e verdadeira. Com o Storytelling definido, é necessário promovê-lo, por isso, escolha as melhores formas de divulgá-lo junto aos seu cliente: pode ser em um painel no interior da sua loja, em uma embalagem ou sacola e até nas redes sociais.

3) Sensação de pertencimento

O ser humano que vive em sociedade necessita se sentir parte de algo maior. Por isso, nos ligamos a tantas instituições, como igrejas, clubes, associações, etc. A empresa que faz seus clientes se sentirem parte de um grupo exclusivo, de pessoas que compartilham um mesmo ideal ou causa, tem a partir daí meio caminho andado para estabelecer um forte vínculo com elas. Voltamos ao exemplo da Harley Davidson. Muito mais do que uma motocicleta, o cliente da marca norte-americana adquire o passaporte para fazer parte da “comunidade dos harleiros”, apaixonados pela liberdade.

4) Memória afetiva

Nada melhor que associar algum aspecto do seu produto ou serviço à uma boa memória do passado do seu cliente. Normalmente, as memórias afetivas mais poderosas são as provocadas por boas experiências vividas na primeira infância (até os 6 anos de idade). Costumo exemplificar com o pastel de feira. É quase um ícone nacional. Se formos analisá-lo apenas pelo aspecto racional, ele seria repudiado por todos – é gorduroso, altamente calórico e preparado normalmente em locais de condições de higiene duvidosas – mas, mesmo assim, a maioria das pessoas ama o pastel. Por quê? O pastel evoca boas memórias afetivas, pois possivelmente você o comeu pela primeira vez junto com seus pais ou seus avós (associou com afeto) e sentiu aquela textura particular e o calor que sai de dentro pela primeira vez. Portanto, descubra o “pastel” do seu negócio e provoque boas memórias afetivas nos seus clientes.

5) Alinhar os 5 sentidos

Existe comprovação científica que as atividades humanas que causam mais prazer são as que mais ativam os 5 sentidos simultaneamente. Estão aí o ato de se alimentar e a atividade sexual para comprovar. Sua empresa precisa estar atenta à experiência sensorial que irá oferecer ao seu cliente.

Será que o visual, o auditivo, o olfativo, o tátil e o paladar estão sendo estimulados de forma integrada, na medida certa, e alinhados com a experiência sensorial que queremos que o cliente sinta? Observe o que muitas lojas do varejo já têm feito e o poder de atração e sedução que elas exercem sobre seus clientes.

6) Detalhes

De nada adiantaria todos os passos anteriores se pecássemos no momento de sua execução. Os detalhes têm o poder de fazer toda a diferença. Um exemplo muito emblemático é o longo, rigoroso e minucioso programa de treinamento ao qual são submetidos os futuros consultores de vendas da rede de joalherias Tifannys. Ao longo de 3 meses de treinamento, um dia inteiro é dedicado exclusivamente para ensinar aos futuros vendedores a dar o laço da icônica “blue box” da marca norte-americana.

Como estão sendo cuidados os detalhes do atendimento que sua empresa dispensa aos seus clientes?

7) Efeito “Uau!”

Uma espécie de cereja do bolo da experiência que irá entregar ao seu cliente. A última sensação que devemos provocar em nosso cliente é a de surpresa positiva, de exceder suas expectativas. Portanto, entregue mais do que ele espera.

* Manoel Carlos Jr. é especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região. Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas. Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Artigo: Empresas apelam ao emocional para prorrogar prazer de compra

* Por Manoel Carlos Jr.

Pesquisas recentes comprovam que comprar um presente, um sapato ou uma roupa dá prazer, isto é, ativa em nosso cérebro mecanismos químicos de recompensa.

Comprar o que desejamos é um dos caminhos mais fáceis – e talvez dos mais enganosos – para a felicidade. Porém, essa recompensa pode custar caro e durar pouco. Normalmente, este momento de prazer acaba bem antes da chegada da fatura.

O problema maior, mesmo para os que não se preocupam com os gastos, é que esse mecanismo é similar ao do vício, tende a buscar a reposição do prazer da compra com mais compras, podendo, assim, até desencadear a depressão.

Para driblar esta armadilha, o marketing de experiências vem difundindo a ideia de prorrogar a sensação de prazer, ou até mesmo renovar essa sensação, com o passar do tempo.

Um dos exemplos mais simples é uma viagem. Além de causar uma sensação mais intensa e duradoura, ela segue em nossa memória e ainda é compartilhada e revivida através das redes sociais, expandindo, assim, nossa percepção de prazer.

Está cada vez mais comum ver as empresas investindo em experiências com alta dose emocional e sensorial para atrair consumidores. Isso ocorre especialmente com as multinacionais atentas.

Baseado neste novo movimento comportamental de consumo, podemos observar que, ao contrário do que se pensava, a loja física, que tempos atrás foi condenada à extinção por conta da expansão do comércio online, voltou a ganhar importância para o consumidor. Entretanto, o mercado vem exigindo mais dos espaços e da criatividade das empresas.

Atualmente, os produtos e preços estão sendo pesquisados e escolhidos online, mas a experiência e o atendimento ficam responsáveis pela finalização da compra. Por isso, mais do que nunca, os diferenciais estão nas experiências que as marcas proporcionam.

Quem nunca foi seduzido por uma loja com um aroma fascinante? Puxado pelas mãos de uma criança atraída por um personagem para o interior de uma loja? Quem não sentiu água na boca ao ver uma degustação? Até uma fila, por incrível que pareça, atrai os curiosos… “Se é bom para ele, é bom para mim!”, tendemos a pensar.

Seja qual for a estratégia escolhida, a experiência é a nova macro tendência para atrair consumidores. Sistematizar isso passou a ser uma das principais estratégias de grandes empresas e, por que não, das pequenas também.

* Manoel Carlos Jr. é especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região. Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.
Site: www.experiencialize.com

Atendimento à imprensa:

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Artigo: Por sobrevivência, empresas focam em “experiências” para seduzir clientes

*Por Manoel Carlos Jr

Nunca a palavra “experiência” esteve tão em alta entre pessoas e empresas. Não no sentido de acúmulo de tempo, mas, sim, no de vivenciar um tempo de qualidade. E, em períodos de crise e escassez de clientes, as marcas viram que é preciso oferecer algo a mais, diferenciado, exclusivo.

“Esse fenômeno, muito forte, sobretudo no comércio varejista e nos serviços, veio para ficar. Até porque a grande verdade é que chegamos a um momento em que os produtos são cada vez mais parecidos, até iguais. É a chamada comoditização, que ocorreu em praticamente todas as indústrias e, consequentemente atingiu o varejo”, afirma o especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil, Manoel Carlos Jr.

Segundo ele, houve uma verdadeira nivelação – por cima – da qualidade e isso trouxe ótimas consequências aos consumidores. Agora, só ter um ótimo produto ou serviço não basta. “É preciso ir além, entregar uma experiência única para o cliente.”

Para se adequarem a esse novo ciclo, as empresas vêm passando por uma verdadeira “revolução”. A experiência, para ser efetiva, necessita obrigatoriamente trabalhar o emocional e o sensorial do cliente.
“Por isso, cada vez mais organizações têm buscado uma identificação emocional com seu consumidor, uma causa comum entre eles. E, a partir daí, conta-se uma boa história capaz de envolver o cliente”, explica Manoel.

A partir daí cria-se uma sensação de pertencimento, onde temos exemplos clássicos como Disney, Harley Davidson e Apple, marcas que usam e abusam desse sentido de tribo.

“O emocional deve ser trabalhado em sintonia com o sensorial. A atençāo a todos os detalhes do processo de consumo e da experiência do cliente na loja ou com o produto é fundamental.”

Para o especialista, mesmo em tempos de retração econômica é possível proporcionar isso ao público. “Com criatividade, dá sempre para entregar mais. É preciso criar o efeito ‘Uau!’, surpreender positivamente o cliente”, conclui Manoel.

* Manoel Carlos Jr. é especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sobre Manoel Carlos Jr.

Especialista e pioneiro no marketing de experiência no Brasil e criador do termo “Experiencialize”. É palestrante, publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região. Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Almir Rizzatto – RZT Comunicação
almir@rztcomunicacao.com.br
www.rztcomunicacao.com.br
Fones: (11) 5051-8142 | 99628-1733

Artigo: Por dentro do FC Barcelona: uma experiência memorável e muito além do futebol

* Por Manoel Carlos Jr.

Como amante do futebol, sempre fiquei atento aos fenômenos que surgem e desaparecem de forma meteórica, mas, sobretudo, a cases como o do FC Barcelona. Decidi pesquisar mais a fundo tudo o que envolve o clube espanhol e organizei uma missão formada por empresários e consultores. O objetivo era analisar, ao vivo e a cores, essa verdadeira love mark do futebol mundial.

Muito mais que um fenômeno passageiro, o Barcelona tem história, aliás, uma bela história. Desde sua fundação, em 1899, ele possui suas peculiaridades e muito charme. A começar por sua criação, feita por Joan Gamper. O suíço ficou maravilhado com o novo esporte que os ingleses tinham acabado de inventar e que reunia imigrantes, como ele, e representantes catalães de Barcelona. Todos tinham algo em comum: a paixão pelo até então pouco conhecido futebol.

Neste momento da criação, DNA do Barcelona estava delineado: uma reunião de amantes do futebol, com representantes da Catalunha e do resto do mundo. E é assim até hoje, quando se unem no mesmo time os espanhóis Iniesta e Piqué com o argentino Messi e o brasileiro Neymar.

Portanto, desde o início estava definida com clareza a causa emocional do Barça: a paixão pelo futebol. A partir daí, poucas organizações souberam contar tão bem uma história como o clube azul grená.

Sua narrativa mistura aspectos como a jornada do herói, com personagens do quilate do mítico jogador holandês Johan Cruyf, falecido recentemente, com a do combate ao inimigo comum, no caso o poderoso Real Madrid, que representa o opressor e ditador espanhol Franco. Toda sua história é contada de forma magistral num tour que eles chamam de Barcelona Experience, que os turistas pagam 23 euros para conhecer toda a história do clube com uma riqueza audiovisual sem precedentes. Ainda se tem a oportunidade de conhecer o mítico Camp Nou, o lendário estádio do Barça.

Uma emoção do início ao fim. A saída desse tour pelo museu e estádio desemboca numa loja oficial da Nike/Barcelona com 2000 m2 em três andares, capaz de dar inveja na Disney. Primeiro somos aturdidos pela marca, depois, submetidos a uma experiência de consumo estarrecedora. Parece até covardia. Mas nossa pesquisa in loco não parou por aí. Precisávamos presenciar como o Barcelona entrega o “produto” que promete.

Fomos assistir à partida contra o Sporting Gijon, pelo Campeonato Espanhol. Vestimos a camisa do Barça que havíamos comprado no dia anterior e, no caminho ao estádio, junto com outras centenas de torcedores uniformizados, nos sentíamos cules (forma carinhosa pela qual os torcedores do clube são chamados). A sensação de pertencimento ao Barcelona já era total. Parecíamos torcedores do time desde criancinhas.

Na chegada ao estádio, mais surpresas nos esperavam. Deparamos-nos com algo muito escasso em terras tupiniquins: respeito. Tranquilidade para entrar, boas vindas dos seguranças e até flores para todas as mulheres, com um botão de rosas envolvido num papel com o brasão do time. Encanto!

Bom, vamos ao jogo. Só um time parecia estar em campo. Barça 6 a O, com direito a gos do tridente Messi-Suarez-Neymar e muitas jogadas bonitas, de levantar o público. Uau!

O Barcelona não entregou apenas uma partida de futebol, entregou um espetáculo memorável, que faz jus ao seu slogan: muito mais que um clube.

* Manoel Carlos Jr. é palestrante, um dos pioneiros do chamado Marketing de Experiências na América Latina e criador do termo “Experiencialize”. É publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA). www.experiencialize.com 

Sobre Manoel Carlos Jr.

Palestrante, um dos pioneiros do chamado Marketing de Experiências na América Latina e criador do termo “Experiencialize”. É publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Artigo: Quer diferenciar sua empresa no mercado? Aprenda a contar a história dela!

* Por Manoel Carlos Jr.

Todas as empresas e negócios, sem exceção, têm a sua própria história. Especialmente em um país como o Brasil, na maioria das vezes são casos de superação, lutas, frustrações e conquistas.

Para que se possa começar a criar uma identificação emocional forte com seu público alvo, é preciso contar essa história para ele. E, para alcançar o melhor resultado, deve-se usar técnicas profissionais: o chamado storytelling.

O storytelling é a mais antiga forma de passar conhecimento através de gerações. Ela representa também como olhamos para diversos fatos e tomamos opiniões, já que somos influenciados por histórias e pela forma como as interpretamos.

Uma boa história deve ser autêntica, criativa, fazer uma conexão emocional e pessoal com seu cliente, inspirar a ação e levar o público a uma jornada de mudanças e transformações.

As pessoas que contam e acreditam em histórias iguais possuem valores semelhantes. A visão de mundo que temos é, simplesmente, uma coleção de histórias sobre fatos que acreditamos. Logo, uma boa narrativa é fundamental para criar uma sensação de “nós” (empresa e consumidor/cliente).

Histórias compartilhadas, valores compartilhados, visões de mundo compartilhadas. A ideia de pertencer a um grupo específico, uma tribo. Sem uma narrativa, não há conflito, porque não é possível existir “nós” se não houver “eles”.

Existem diversos modelos de enredos para se contar uma boa história. Utilize a que mais se adequa a sua história real e faça sua própria narrativa. Você pode até romancear, mas nunca menti.

Seguem abaixo os 6 principais modelos de enredo/narração:

  1. Jornada do Herói
  2. Inimigo público comum
  3. A jornada do idiota
  4. Do fracasso à fama
  5. Herói por acidente (herói relutante)
  6. Nós somos iguais

O ideal é que a narrativa escolhida tenha início, desenvolvimento e final coesos, e se desenrole por, no máximo, 4 parágrafos. Ela pode ser contada através de animação, vídeo, posts nas redes sociais, texto no site, folder, na lateral da embalagem de um produto ou mesmo em uma vitrine de loja.

Não importa como você faça isso. O importante mesmo é contar uma bela história.

* Manoel Carlos Jr. é palestrante, um dos pioneiros do chamado Marketing de Experiências na América Latina e criador do termo “Experiencialize”. É publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA). www.experiencialize.com 

Sobre Manoel Carlos Jr.

Palestrante, um dos pioneiros do chamado Marketing de Experiências na América Latina e criador do termo “Experiencialize”. É publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com

Mais que produtos de qualidade, consumidores querem experiências incríveis

Ter um produto ou serviço de qualidade sempre foi sinônimo de sucesso. Hoje, entretanto, isso é básico e não basta. Para crescer neste mercado cada vez mais competitivo, as empresas precisam ir além e se adaptar a um novo desejo dos clientes: a de serem submetidos a experiências marcantes.

“E aí que entra o Marketing de Experiências, no qual são trabalhadas as emoções, e não somente a razão”, afirma o palestrante Manoel Carlos Jr., criador do termo “Experiencialize”.

De acordo com o publicitário, é fundamental nesta nova era, por exemplo, alinhar os 5 sentidos. “Estamos num país latino. As pessoas querem sentir, tocar… Deve-se cumprimentar as pessoas, olho no olho, entrar em sintonia.”

A atenção aos detalhes também é muito importante e cativa os consumidores. “É preciso encantar o cliente desde o primeiro contato, seja pessoalmente, digitalmente ou por telefone. Isso ajuda a criar a sensação do ‘UAU!!!'”, diz o especialista.

Para Manoel Carlos Jr., os benefícios de gerar experiências incríveis são diversos para as organizações, entre eles:

– A empresa fica marcada na memória, no coração das pessoas.

– Constrói-se um relacionamento com clientes.

– Amplia a consciência da marca.

– Aumenta a lealdade. Os clientes passam a ser torcedores.

“Tudo isso cria um desejo maior pelo produto ou serviço e o preço acaba tendo um peso menor. Ou seja, aumenta até a rentabilidade da empresa.”

Sobre Manoel Carlos Jr.

Palestrante, um dos pioneiros do chamado Marketing de Experiências na América Latina e criador do termo “Experiencialize”. É publicitário formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing , pós-graduado em Gestão de Marketing pela FGV-SP e especialista em Business Comunication pela International English Institute – CA (EUA).

Sócio e diretor da Publicarte Propaganda, uma das agências mais premiadas do interior do estado de São Paulo. É também fundador e coordenador do Meeting Empresarial do Vale do Paraíba-SP, fórum que reúne os principais empresários e altos executivos da região.  Atuou durante 6 anos como professor universitário nas disciplinas de planejamento de campanha e redação publicitária.

Suas palestras têm abordagem prática, fruto de mais de 15 anos de experiência no planejamento de marketing de profissionais liberais, pequenas e médias empresas.

Site: www.experiencialize.com