Google Alerts

Google Alerts: 7 dicas para usá-lo no marketing do seu negócio

O Google Alerts foi criado em 2003 pelo engenheiro Naga Kataru, para ser um serviço que detecta novos conteúdos, do interesse do assinante, indexados pelo motor de busca. O usuário que se cadastra, recebe diariamente notificações do assunto por e-mail.

O recurso inclui desde notícias a posts de blog. A ferramenta começou sendo bem útil para assessores de imprensa, que usavam como clipping. Mas, ao longo dos anos, o Google Alerts cresceu e se tornou essencial para quem trabalha com marketing de conteúdo.

Neste artigo, você confere como assinar esse serviço, além de 7 dicas para aplicar em sua estratégia de marketing.

Como receber as notificações do Google Alerts

Para que você receba as atualizações dos temas que te interessam, é preciso realizar um cadastro. Veja a seguir os passos necessários para realizar a inscrição:

– Defina os assuntos: acesse a plataforma e escolha quais termos você quer que o Google Alerts te envie notificações diárias.

– Configure seu e-mail: selecione a conta do Google que você quer receber os e-mails, na caixa “digitar e-mail”.

– Ajuste seu alerta: é possível realizar diversas configurações no Google Alerts. Você pode definir a frequência das notificações, de quais idiomas e regiões deseja recebê-las, entre outros. É só clicar em “Mostrar opções”.

– Finalize: após as configurações, só é necessário concluir a operação e clicar em “Criar alerta”.

7 formas de usar o Google Alerts para o marketing do seu negócio

A ferramenta é pouco conhecida, em relação aos outros serviços do Google, mas, é muito eficaz para ajudar na captação de conteúdo e análise de marca. Confira como usar esse serviço:

1 – Consiga ideias para posts: ao definir um assunto no Google Alerts, você ficará atualizado sobre o que as pessoas estão falando em blogs, fóruns, mídias sociais, entre outros. A ferramenta é útil para desenvolver conteúdo, tanto para seu site ou nas redes sociais, tendo como referência o que a internet está discutindo em relação ao tema escolhido.

2 – Faça Link Building: cadastre o nome da sua empresa, assim como variações dela, como sem espaço ou com alguma característica específica. Quando receber uma notificação, verifique se a menção possui um link para o seu site. Se isso não for o caso, entre em contato com o responsável pela publicação e peça o link. Assim, você terá controle sobre o que está sendo dito e construirá seu Link Building.

3 – Meça sua marca: é possível analisar como sua marca está sendo vista pelo público nesse serviço. Defina o nome da empresa como palavra-chave e você receberá tudo o que está sendo comentado sobre o seu negócio na internet.

Ao saber como sua marca está posicionada, você tem a possibilidade de pensar em estratégias que possam aperfeiçoar o trabalho.

4 – Fique atento à concorrência: use o serviço como uma forma de monitorar a atividade dos seus concorrentes. Fique de olho nas publicações deles e também no que o público está falando sobre a concorrência.

5 – Monitore seus clientes e prospects: a ferramenta também é útil para fazer o monitoramento do que é publicado sobre clientes e prospects. Dessa forma, qualquer novidade pode ser utilizada como vantagem da sua empresa.

6 – Observe as tendências: o Google Alerts também pode mostrar o que os grandes influenciadores do seu ramo de trabalho estão comentando, fazendo ou usando. Fique de olho e fique sempre atualizado, seja para fazer conteúdo, planejar campanhas, entre outros.

7 – Veja quais são os problemas do seu nicho: saiba quais são as principais dificuldades que o público da sua área enfrenta. Você pode usar essas questões para fazer um post de blog ou criar um vídeo no seu canal.

Viu como o Google Alerts é interessante para qualquer negócio? Além de ser gratuito e simples de se cadastrar, o serviço pode oferecer muitas ideias de conteúdo e controle de suas estratégias de marketing.

*Fontes: Neil Patel; Marketing de Conteúdo; Agência Enlink

Imagem: divulgação

1 comentar

Faça seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *