marketing digital

Você vem (realmente) usando o Marketing Digital ou está se sabotando?

Se você está insatisfeito com os resultados do Marketing Digital em seu negócio, este artigo pode ser um alento. Isso porque o conteúdo abaixo fará você refletir sobre ações e estratégias que são fundamentais para ter sucesso. É comum empreendedores entrarem em contato comigo na RZT Comunicação, agência da qual sou fundador, e lamentarem: “Eu tenho um site, redes sociais, mas não consigo atrair leads, não vendo. O que estou fazendo de errado?”.

E então, quando faço algumas perguntas básicas, fica muito claro que o nível de maturidade digital é raso. Ou seja, as ações adotadas, muitas delas intuitivas (amadoras), realmente não surtirão efeito. Nunca. Um caso típico do barato sai caro.

 

Veja abaixo se você se identifica com algumas situações ligadas ao Marketing Digital

 

Site: sua marca tem apenas uma página institucional? Erro grave!

Hoje as pessoas querem consumir conteúdo. Um site com somente informações sobre a empresa, equipe e serviços, por exemplo, é coisa do passado. O público quer saber o que a marca pensa, ler artigos, ver valor no que a empresa vende. E o conteúdo é uma forma fantástica de atrair leads, aumentar engajamento e vender.

Artigos: você produz conteúdo para web da mesma forma como escreveria para um jornal? Erro grave!

É fundamental que os textos elaborados para seu blog tenham SEO. De forma resumida, SEO é um conjunto de técnicas para que o conteúdo ganhe bom posicionamento orgânico nos buscadores, como o Google. Então, se você está escrevendo sobre dicas na hora de contratar um coach, essa expressão precisa ser explorada, de diversas formas, no seu texto. Só assim seu material irá aparecer no Google quando alguém pesquisar por “dicas na hora de contratar um coach”.

Conteúdo “aberto”: você produz os chamados materiais ricos, como e-books e videoaulas, e os deixa disponíveis sem necessidade de cadastro? Erro grave!

Elaborar esses materiais é necessário, mas eles precisam ficar “fechados”. Ou seja, para que eu tenha acesso a um e-book que você produziu, preciso te entregar meu nome e e-mail, pelo menos. É uma troca. Você me fornece gratuitamente um conteúdo valioso e, em contrapartida, te ofereço meus contatos. Sem isso, você não gera leads, que é a base do Marketing Digital. E, consequentemente, diminui de forma significativa o potencial de vendas.

Redes sociais: você faz apenas posts orgânicos, sem destinar uma verba para anúncios? Erro grave!

O alcance orgânico vem despencando. Hoje, para você atingir até mesmo os curtidores da sua página, precisa pagar para o Facebook e o Instagram, por exemplo. Sem anúncios, os resultados tendem a ser pífios. E não adianta xingar Mark Zuckerberg ou culpar o Marketing Digital por isso.

Frequência de postagens: você publica “quando dá” nas redes sociais? Erro grave!

É fundamental se organizar e produzir conteúdo frequente. Entre ter uma página desatualizada ou não ter, fico com a segunda opção. É frustrante admirar uma empresa e ver que o último post foi no mês passado. Soa desleixo, arranha a imagem da marca. Não é isso que o público espera. Elaborar um calendário editorial ajuda na produção contínua.

Canais de atendimento: você só oferece telefone e e-mail como formas de contato? Erro grave!

Nesta era digital, o público quer atendimento online, em tempo real. Então, canais como WhatsApp, Messenger, chat e Skype são obrigatórios. Afinal, você quer facilitar ou dificultar a comunicação com potenciais clientes?

Viu como a questão não é “o Marketing Digital não funciona”? Na verdade, nada gera resultados se feito de forma errada. Se bem aplicado, de forma inteligente e estratégica, o Marketing Digital pode trazer resultados fantásticos para sua marca.

Autor do artigo: Almir Rizzatto é jornalista e pós-graduado em Comunicação Empresarial, Relações Públicas e Marketing. É fundador da agência RZT Comunicação, palestrante, instrutor, consultor e especialista em Marketing Digital. Através da RZT, oferece soluções para profissionais liberais e empresas de todos os portes, além de cursos como os de Marketing Digital e SEO.

1 comentar
  1. Elazier Barbosa
    Elazier Barbosa says:

    Olá Almir, como sempre.dividindo seus grandes conhecimentos!
    Concordo com você em tudo. Assim, seguindo todas essas orientações, faltaria apenas ter um bom produto,que viesse atender às necessidades do cliente.
    Aceite um caloroso abraço.

    Responder

Faça seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *