pesquisa por voz

Pesquisa por voz: como aplicar em sua estratégia de marketing

Com certeza você já deve ter visto alguém usar a pesquisa por voz do Google. Muito popular entre os adolescentes, esse recurso tem conquistado por ser mais rápido e prático que a digitação. Além de apresentar resultados com agilidade, algo bem valorizado atualmente.

Uma pesquisa realizada pela Voice Labs em 2017 mostrou que há 33 milhões de dispositivos de voz em circulação no mundo. E esse número tende a crescer, com os avanços que o Google tem feito. A empresa Gartner fez um levantamento no ano passado e verificou que pesquisas por conversação se tornarão ainda mais populares num período de 5 a 10 anos.

A última conferência anual Google I/O, realizada em maio, revelou que seu assistente pessoal, uma espécie de evolução do Google Now, fará ligações sozinho, sob o comando do usuário. Tecnologias assim indicam que algumas práticas, como a pesquisa por voz, vão ser ainda mais comuns. Então, é preciso estar preparado e verificar adaptações.

Mas, como usar a pesquisa por voz no marketing? Neste artigo você vai descobrir como essa ferramenta faz operações e quais as maneiras de aplicá-la na sua estratégia.

Entenda o funcionamento da pesquisa por voz

Desde que o algoritmo de ranqueamento Hummingbird sofreu uma atualização, em 2013, o Google passou a entender melhor as consultas dos usuários. Antes, ele considerava apenas as palavras-chave. Mas, agora ele também interpreta a intenção da busca. Isso indica que vai aparecer nas pesquisas o que é mais relevante para a pessoa, se considerar o que ela procura e o motivo.

O Google também já vinha percebendo que as pesquisas por voz costumam conter palavras de questionamento, como “quais”, “quando”, “onde”, entre outras. Estas expressões são mais usuais nas conversas, em momentos que o usuário está dirigindo, por exemplo.

Além disso, quando alguém usa este recurso, geralmente utiliza palavras-chave de cauda longa, mais extensas. Nesta atualização, os algoritmos aperfeiçoaram o entendimento em linguagem natural.

Como fazer a otimização de pesquisas por voz

Com o crescimento dos assistentes pessoais como Google Assistant, Siri, da Apple, Alexa, da Amazon, Cortana, do Windows, entre outros, que usam a voz como comando, muitas empresas estão precisando adaptar suas estratégias de marketing.

Para começar, você deve entender como o seu público pensa e de que forma ele pode elaborar uma pergunta mais natural em relação ao seu negócio.

Um programa que auxilia nessa questão é o “Answer the Public”. Ao inserir uma palavra-chave no software, ele apresenta diversas perguntas naturais que as pessoas podem fazer sobre aquele termo.

Outros aplicativos interessantes para essa finalidade são: Google Search Console; Question Samurai e StoryBase.

De quais formas a otimização pode ser feita

Ao compreender o funcionamento da pesquisa por voz e como sua audiência pode pensar, é preciso colocar em prática sua otimização. Conheça algumas maneiras para realizá-la:

Crie ou atualize seu FAQ: se você ainda não tem uma página de perguntas frequentes, chegou a hora de fazer uma. Caso já tenha, atualize com questões que podem ser feitas de forma natural pelas pessoas.

Faça um cadastro do seu site no Google Meu Negócio: segundo o Google, as pesquisas com a expressão “perto de mim” tiveram um aumento de 130%.
Isso indica que é comum usar a pesquisa por voz quando se quer fazer ou comprar algo numa região próxima. Então, é interessante se cadastrar nesta plataforma.

Deixe seu site responsivo: como as buscas por voz são feitas por dispositivos móveis, na maioria dos casos, é aconselhável deixar sua página adaptada para a versão mobile. Dessa forma, o público não sentirá dificuldades em achar as informações que precisa e continuará a acessar seu website.

Apareça nos featured snippets: os cartões com respostas que surgem no topo da página de resultados do Google são chamados de featured snippets. Alguns assistentes de voz leem mais estas caixas ou mostram este resultado na tela do celular da pessoa. Então, vale investir na otimização do seu conteúdo.

Agora que você viu como as pesquisas por voz estão em crescimento e aprendeu maneiras de aparecer nestas buscas, chegou a hora de incrementar este plano em sua estratégia de marketing.

Fontes: Neil Patel; Rock Content; MKT Virtual; Agência Mestre 

 

 

0 comentários

Faça seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *