Posts

frequência de postagens

Marketing de conteúdo: a importância da frequência de postagens no blog

O tema do texto de hoje é a frequência de postagens no blog. Apesar de algumas pessoas pensarem ao contrário, a página ainda é uma das principais ferramentas na estratégia de marketing de conteúdo. Desta forma, manter a periodicidade de posts é fundamental.

Entre os principais benefícios que o blog pode trazer para o negócio estão: atrair tráfego de qualidade, gerar interesse e mais conversões, ganhar mais destaque nos buscadores, estabelecer um relacionamento mais próximo e saudável com o público, informar e doutrinar a audiência, ser um guia para o potencial consumidor no funil de vendas, entre outros.

No entanto, muitas empresas acabam subestimando o valor do blog e deixam de atualizar o conteúdo. Para conquistar sucesso com esta ferramenta é preciso tempo e dedicação. Os resultados são duradouros, mas é preciso determinação para alcançá-los.

Ao iniciar um blog, você tem que ter em mente que o projeto requer tempo para escolher uma pauta com conteúdo relevante, criar os textos e manter a regularidade na publicação.

Não há nada mais frustrante na internet, do que acessar um blog e não encontrar um conteúdo no dia e horário de costume.

Se você deixar de publicar e o seu leitor não encontrar aquilo que busca mais de duas vezes, dificilmente ele voltará a acessá-lo.

O acúmulo de tarefas e a falta de tempo podem ser barreiras para atualizar o blog, mas estes fatores devem ser levados em consideração ao traçar o planejamento inicial.

Veja 4 motivos para manter a frequência de postagens do blog

1. Relacionamento próximo: ao postar com frequência, você criará identificação com o seu público. Mas, é preciso que a presença esteja atrelada à relevância. Poste conteúdos úteis para sua audiência.

Ao entregar um conteúdo de relevância, você cria no leitor o hábito de acompanhar seu material. E este material precisa ser apresentado com linearidade, para que o público se sinta prestigiado.

2. Visibilidade: ao usar o blog, você utiliza as técnicas de SEO e, assim, atinge naturalmente as melhores posições no ranking de resultados das pesquisas, alcançando mais visibilidade, tráfego e resultados. Mas, para isso, é preciso ser constante com as postagens.

3. Interações: com a força das redes sociais, deixar de apresentar conteúdo pode te tornar invisível. Afinal, estar presente na lembrança do público é preciso, pois dessa forma você gera a interação e o engajamento.

4. Destaque: se você for na contramão das empresas que não acham necessidade de manter uma frequência de postagens, sua marca terá um diferencial em relação aos concorrentes. Você pode se tornar uma referência ou autoridade na área de atuação.

Após ler sobre os motivos para manter a frequência de postagens no seu blog, você deve estar se perguntando: mas, qual a média ideal então?

Não há uma receita definida de quantos posts devem ser feitos por dia/semana. Você precisa avaliar o seu público e entender o negócio. A frequência de postagens deve ser média, nem tanto, nem pouco.

Ofereça conteúdo de forma que não seja nem excessivo, nem ausente. Diversificar a forma e os tamanhos dos textos são boas dicas a serem seguidas.

Com informações do Mestre do Adwords

Imagem: divulgação

estrategia-mobile-marketing

3 estratégias de mobile marketing para sua empresa

O frequente acesso à internet por dispositivos como smartphones e tablets faz com que as empresas necessitem intensificar as estratégias de mobile marketing.

Elas são basicamente as mesmas usadas no Marketing Digital para que as marcas consigam alcançar o sucesso na internet. Mas, essas três ações abaixo merecem destaque quando o assunto é se destacar da concorrência nos acessos pelos dispositivos móveis.

Veja quais são elas:

1- Adaptação do site responsivo

Como já falamos anteriormente, é importante investir em sites que se adaptam às diferentes telas – os sites responsivos. Isso ajuda no rankeamento da marca nos buscadores, pois suas páginas podem ser adequadas aos diversos tipos de acessos.

Um site que não se adapta para a tela de smarpthone, por exemplo, tende a ser rejeitado pelos usuários devido à dificuldade de navegação. É preciso que a página tenha a possibilidade de dar zoom na tela, rolagem lateral e um carregamento rápido.

2- Pesquisa e compras online

Antes de fazer uma compra em loja física, a maioria dos consumidores faz pesquisas sobre o que deseja na internet. E, com o aumento de acesso pelos dispositivos móveis, é por esse meio que a maioria destas buscas é realizada.

A mesma coisa vale para compras online. Se para um consumidor é mais fácil realizar a compra pela internet, são grandes as chances dele fazer isso por um dispositivo móvel.

Ou seja, tanto para buscas de informações sobre um produto, quanto para a efetivação da compra pela internet, é importante que a marca esteja disponível para não perder nenhum cliente.

3- Presença nas redes sociais

As redes sociais são as páginas mais acessadas pelos usuários, principalmente por meio dos dispositivos móveis. Até porque muitas delas só podem ser visualizadas por smartphones e tablets.

Uma estratégia de mobile marketing deve priorizar as redes sociais. Não apenas estar presente, mas adaptar o conteúdo para que tenham melhor visualização pelos dispositivos móveis. Isso inclui considerar o tamanho da fonte, carregamento dos arquivos, o site de redirecionamento e outros itens.

Dentro do Marketing Digital, é importante pensar particularmente nas estratégias de mobile marketing para facilitar o acesso por meio de qualquer dispositivo. O uso de smartphones e tablets é grande e cresce cada vez mais. Por isso, não corra o risco de perder a audiência e consumidores que têm o hábito de navegar pela internet constantemente por esses meios.

Com informações do blog Soul Digital

inbound-marketing

7 ações para uma boa estratégia de Inbound Marketing

Uma boa estratégia de Inbound Marketing reúne diversas ações realizadas pelas empresas e são voltadas para cada etapa do Funil de Vendas, onde se encontram seus leads.

Seu objetivo principal é fazer com que eles concretizem a compra dos produtos da marca, mas, quando as ações são bem qualificadas, também posicionam a empresa como referência na área em que atua.

Para conseguir uma boa estratégia de Inbound Marketing, algumas ações são fundamentais. Confira 7 delas:

1- Conteúdo relevante e postado frequentemente

Um conteúdo relevante é aquele que responde às dúvidas e mostra novidades que os consumidores buscam no mercado. Um bom material só será construído quando se tem conhecimento sobre os interesses do público-alvo.

Outro ponto é que, seus conteúdos só chamarão atenção dos visitantes quando eles percebem que seus materiais são postados frequentemente. Um blog que possui um intervalo muito grande entre as postagens passa a impressão de abandonado e não dá à marca a relevância que ela busca.

2- Ofertas para capturar leads              

Mais do que saber apenas o número de visitantes do seu site, o Inbound Marketing usa ações para ter informações das pessoas.

Nesse caso, é preciso usar algum tipo de “isca”, um material interessante que o visitante pode baixar e, em troca, ele deixa informações, como nome e email. E, assim, você cria a sua própria base de contato.

3- Nutrição de leads

Cada lead tem um interesse diferente quando navega em seu site. Alguns chegam apenas para conhecer os produtos, outros para comparar preços, mas nem todos estão determinados a realizar uma compra.

A nutrição de leads é uma ação que consiste em enviar informações e novidades, por meio de email marketing, para a sua base de contatos. O objetivo é instigá-los a finalizar uma compra no site. Entretanto, os tipos de conteúdo mudam de acordo com a etapa que o lead se encontra no Funil de Vendas.

4- Ter um site responsivo

Site responsivo é aquele que se adapta às diferentes telas, tanto para desktops, quanto para smartphones e tablets. E, pelo grande número de acessos por dispositivos móveis, é preciso estar preparado e ter suporte para que o visitante consiga navegar e até mesmo realizar uma compra por qualquer tipo de aparelho.

5- Estar presente nas redes sociais

As redes sociais são ferramentas indispensáveis para um bom trabalho de Inbound Marketing. Por meio delas é possível postar os conteúdos do site e blog da empresa, a fim de alcançar mais visualizações e interações dos seguidores, como curtidas, comentários e compartilhamentos.

6- Parceria com influenciadores digitais

Manter relacionamento com os influenciadores digitais é uma forma de continuar disseminando o seu conteúdo, principal objetivo do Inbound Marketing.

Por possuir um grande número de seguidores, os influenciadores digitais farão sua marca chegar ao conhecimento de mais pessoas e também ganhar mais credibilidade.

7 -Analisar os resultados

A análise dos resultados de Inbound Marketing é mais precisa do que do Marketing comum. Uma das métricas mais usadas é o ROI (Retorno Sobre Investimento), que pode medir um resultado geral ou por cada campanha.

A taxa de conversão também traz resultados bem concretos. Aqui, analisamos o número de visitantes que se converteram em leads e, quantos destes leads se tornaram clientes de fato.

Com informações do blog Inspire

site-vsitantes

3 estratégias para atrair visitantes para o seu site

Apesar de milhares de pessoas lerem diversos conteúdos na internet diariamente, elas não conseguem acessar a tudo o que desejam. Isso faz com que muitos sites não tenham o tráfego esperado. E nem sempre é por conteúdo desinteressante, mas pela falta de tempo dos leitores.

Existem inúmeros tipos de conteúdos disponíveis diariamente. Portanto, para atrair visitantes para o seu site é preciso caprichar nos artigos e usar outras estratégias para chamar atenção dos leitores.

Selecionamos aqui 3 estratégias para atrair mais visitantes para o seu site. Confira:

1- Newsletter

Essa é uma forma de fazer o conteúdo ir até a pessoa. Além de ser um meio de contato com seus leads periodicamente, as newsletters são mensagens com alguns de seus conteúdos, em que as pessoas podem guardar no email e lerem a hora que quiserem.

Se o leitor busca por um conteúdo com o assunto que você enviou, aquela será a forma mais fácil para encontrá-lo, o que aumentará as chances de acessar o seu site.

2- Facilitar as estruturas do seu conteúdo

Hoje em dia as pessoas buscam por conteúdos fáceis de entender e de rápida leitura. Para que o seu site seja atrativo, os títulos dos artigos devem ser explicativos e os textos escaneáveis. Assim, o visitante encontrará rapidamente a informação que deseja.

Textos em tópicos e listas são muito atrativos e de fácil compreensão, o que aumenta o interesse do leitor por eles.

3- Use diferentes formatos de conteúdo

O Marketing Digital fez com que o modo de produzir conteúdo se tornasse dinâmico. Apenas escrever textos explicando sobre tal assunto pode ficar desinteressante quando a concorrência usa outros formatos para abordar a mesma coisa.

Veja alguns modos que você pode produzir:

Vídeo: atualmente um dos formatos de conteúdo mais consumidos na internet, o uso de vídeo se tornou indispensável para as marcas que desejam aumentar a audiência. Para alguns assuntos, é mais fácil o visitante assistir uma explicação do que a ler com todos os detalhes em um artigo.

Infográfico: outro modo muito dinâmico de conteúdo, os infográficos são trabalhados de maneira lógica. A leitura em breves parágrafos e imagens ajuda o visitante a processar melhor a informação.

Áudio: o áudio está presente em diversos aparelhos que temos e, fazer um conteúdo nesse formato pode facilitar o consumo de informação pelas pessoas. Em alguns momentos, não é possível ler o artigo, mas talvez ouvi-lo. Por isso, o formato de áudio pode ser buscado por muita gente, aumentando o tráfego do site que o produz.

Estas são sugestões acessíveis para qualquer equipe de comunicação. Usar diferentes formatos deixa o site mais atrativo para as pessoas que desejam consumir informações de modo dinâmico.

Com informações do blog Resultados Digitais

twitter

6 dicas para aumentar seus seguidores no Twitter

Apesar de o Facebook ser a rede com o maior número de usuários, o Twitter não fica atrás, e também é uma das grandes ferramentas de comunicação para as empresas. Parece pouco, mas em 140 caracteres é possível dizer muito a respeito do seu negócio para os usuários.

Mas, se você ainda encontra dificuldades em trabalhar nesta rede social e atrair mais seguidores, listamos 6 dicas para te ajudar a aumentar seus seguidores no Twitter. Confira:

1- Tenha um perfil atraente

Assim como nas outras redes sociais, é muito importante caprichar na foto do perfil e da capa. Use imagens com o logo da marca e outros itens que representem a identidade do seu negócio.

Seja breve, mas não se esqueça das palavras-chave para descrever o seu perfil. Diga em poucas palavras com o que trabalha e como as pessoas podem ter acesso aos seus produtos e serviços. É válido colocar um número para contato e a URL do site.

2- Siga para ser seguido

Para que seu perfil seja notado e ganhe seguidores, você terá que se mostrar para o público. E a melhor forma de fazer isso é seguir as pessoas do seu interesse. Comece por páginas de empresas que atuam no mercado do seu segmento e os usuários que as seguem.

Assim, seu perfil começará a ser notado e despertará o interesse das pessoas para o seu negócio.

3- Poste sobre informações relevantes

Uma estratégia para deixar o seu perfil mais interessante é compartilhar notícias, novidades, dicas e curiosidades a respeito da área que atua. Desse modo, além de fonte para seus produtos e serviços, sua página também será referência de informação e muito útil para os usuários.

O Twitter é uma rede dinâmica, então publique também conteúdos em outros formatos, como vídeos, por exemplo.

4- Atente-se ao horário das postagens

Não existe uma regra específica para os horários que os posts devem ir ao ar, mas o comportamento do seu público pode dizer muito sobre isso. Preste atenção em que momentos do dia seus seguidores mais usam o Twitter e tente publicar em horários próximos a estes picos.

É interessante montar um cronograma para suas publicações. Descubra quantas vezes por dia ou por semana é válido postar e defina uma frequência.

Para facilitar a criação dos posts, você pode selecionar temas para alguns dias e publicar assuntos relacionados ao que foi estipulado.

5- Use hashtags

Foi no Twitter que começou o uso das hashtags, por isso, nada melhor do que usá-las em suas postagens nesta rede.

Se o seu post usa uma hashtag que é muito falada em determinado momento, ele poderá ser encontrado por meio do link dela e, assim, ganhará mais visibilidade até mesmo por quem ainda não segue o seu perfil.

6- Twitter Ads

Uma forma de aumentar a sua popularidade nesta rede social é o Twitter Ads. São ações pagas que podem promover tanto a sua página quanto apenas tweets para pessoas que tenham interesses em comum com o seu negócio e ainda não o seguem.

O Twitter é uma ótima ferramenta do Marketing Digital para se promover nas redes. Assim como o Facebook, disponibiliza recursos que te ajudam a alcançar mais seguidores e expor o seu negócio. Sabendo usá-lo verá ótimos resultados.

Com informações do PróXXima

business woman hand working on smart phone and laptop computer and business graph information diagram on wooden table with window reflection at office.

5 passos para definir o público-alvo de sua empresa

Desde a criação de sua empresa até a produção de conteúdo para atrair clientes, definir o público-alvo é um processo fundamental para o sucesso dos negócios. Com uma boa base selecionada de leads, fica mais fácil entender a necessidade das pessoas e, assim, trabalhar as estratégias de Marketing Digital.

Se você ainda tem dificuldades para selecionar o público certo para a sua empresa, listamos 5 critérios para obter uma ótima seleção de contatos. Confira:

1- A quais necessidades sua empresa atende?

O primeiro passo para definir seu público é saber a quais necessidades seus produtos e serviços atendem. Quais problemas deles poderão ser resolvidos ou a que desejos você pode atender?

2- Aprenda com seus clientes

Ao observar seus atuais clientes, você poderá perceber os traços comuns entre eles. Se predominam homens ou mulheres, a faixa etária, formação profissional, nível socioeconômico, onde moram, lugares que frequentam, etc.

Veja também quais deles voltam e o que sempre buscam em sua empresa. Se dividi-los por características em comum, poderá focar um tipo de serviço para cada e, assim, potencializar suas estratégias de comunicação.

3- Preste atenção nos concorrentes

Outro modo de conhecer melhor seu público é observar o perfil dos clientes dos seus concorrentes. Eles podem ter os mesmos interesses das pessoas que você deseja alcançar e, conhecendo o perfil deles, ficará mais fácil focar no seu público-alvo.

4- Saiba dos seus diferenciais

Você pode ter muitos concorrentes na área em que atua, mas com certeza seu negócio pode oferecer serviços únicos, que as outras empresas não têm. Então, esse pode ser um ponto forte para suas campanhas de marketing digital e até mesmo atrair outros perfis de consumidores além dos que já está acostumado. Use seu diferencial a seu favor.

5- Crie personas

Personas são perfis de pessoas imaginárias que representam os tipos de clientes que o seu negócio pode atender. Leve em conta todos os detalhes: gênero, idade, carreira, onde mora, onde trabalha, em quais lojas e sites compram, as redes sociais que usam, etc.

Outro ponto em selecionar os tipos de persona, é que, desse modo, você consegue se colocar no lugar delas e entender um pouco sobre o que procuram em seus produtos e serviços.

Com informações do blog Wix

Business woman hand typing on laptop keyboard with Financial charts on the table

6 pontos que provam o valor do Marketing Digital para empresas

Aqui no blog da RZT já enumeramos diversos motivos pelos quais se deve adotar o Marketing Digital. Mesmo assim, ainda não é uma pratica realizada por todos. Segundo Eric Santos, CEO da Resultados Digitais, apenas 10 mil, das 16 milhões de empresas brasileiras, utilizam esta estratégia.

Por isso, reunimos 6 principais motivos que provam o valor do Marketing Digital para as empresas:

1- Presença na internet

Quando temos uma dúvida sobre algum assunto, na maioria das vezes, recorremos ao Google para encontrar respostas. Aliás, esta é a maior ferramenta de busca online do mundo. E, fazer um bom investimento de Marketing Digital contribui para que sua empresa seja encontrada nos resultados, fazendo com que futuros clientes a encontrem.

Entretanto, muito além de aparecer nos resultados do Google, é fundamental que sua empresa esteja presente no mundo digital, com site e páginas nas redes sociais.

2- Construir audiência qualificada

Outro ponto importante do Marketing Digital é poder construir uma audiência com pessoas realmente interessadas em sua marca. Assim, você cria um relacionamento com um público segmentado e fideliza os seus clientes por meio de ações nas redes sociais e por email marketing, por exemplo.

3- Falar com o público na hora certa

O Marketing Digital possibilita segmentar o público para fazer com cada grupo um tipo de ação diferente. Com as ferramentas existentes no mercado, tornou-se fácil monitorar as atividades e os perfis dos usuários.

Assim, você conversa de forma mais específica com pessoas para as quais deseja anunciar um produto e suas campanhas ficam personalizadas.  Por exemplo, ao segmentar suas ações para donos de pequenos mercados, isso te possibilita fazer anúncios e campanhas que respondam às dúvidas e dores específicas desse nicho.

Esta ação faz com que as pessoas se identifiquem mais com a sua marca, podendo dar bons resultados nas vendas.

4- Sair na frente da concorrência

Como falamos acima, muitas empresas ainda não trabalham com Marketing Digital. E isso mostra que, se começar a investir hoje, você se diferenciará de boa parte de seus concorrentes. Para isso, basta criar bons conteúdos que auxiliem o cliente na identificação e solução de seus problemas e fazer postagens nas redes sociais para que eles acompanhem seus trabalhos e novidades.

5- Baixo investimento

O Marketing Digital não é quase de graça, mas, em relação às outras campanhas de marketing, sai num valor muito em conta. Isso acontece principalmente pelo fato de poder controlar o segmento do seu público e os resultados de suas ações.

Você começa com o valor que puder e, conforme consegue retorno, aumenta este investimento para ter mais resultados.

6- Analisar resultados com precisão

A maioria das plataformas digitais disponibiliza gráficos que mostram o desempenho de suas ações e isso é uma coisa impossível de calcular no marketing offline precisamente. Este, talvez, seja um dos melhores motivos para trabalhar com o Marketing Digital. Ter o número exato da sua campanha permite analisar o que foi feito de bom, o que pode ser melhorado e, assim, se desenvolver cada vez mais.

Com informações do blog Resultados Digitais

Top view of young  Businessman woman hands reviewing analyzing financial data chart.

5 preocupações de quem começa a praticar o Inbound Marketing

O Inbound Marketing já não é uma prática tão recente, mas ainda há empresas dando os primeiros passos. E, como em todo início, surgem muitas dúvidas se esta é mesmo uma boa estratégia para a comunicação da marca.

Reunimos aqui 5 preocupações mais comuns sobre o Inbound Marketing e como solucioná-las. Confira:

1- “Não tenho uma equipe para trabalhar nisto e nem tempo para fazer sozinho”

Gerenciar o tempo é uma de nossas maiores dificuldades. Por isso, é importante organizar as tarefas e saber priorizá-las. Portanto, ter uma pessoa para trabalhar no conteúdo de Inbound Marketing da sua empresa é muito interessante para que as informações estejam em dia e, assim, gerar melhores resultados.

Mas, caso seja você mesmo que vá atualizar o conteúdo de seu site ou blog, siga estas dicas para se organizar melhor:

  • Defina uma persona (perfis do público);
  • Produza conteúdos rápidos;
  • Crie uma oferta para geração de Leads;
  • Tenha uma estratégia clara de abordagem dos Leads mais qualificados.

2- “Os resultados vão demorar muito”

A maioria das empresas que começa a praticar o Inbound Marketing tem expectativas de retorno imediato. E quando os resultados não aparecem logo no primeiro mês, já pensam em cancelar o investimento e interromper o processo.

Existem muitos casos de empresas que já viram resultado no primeiro mês. Entretanto, se você busca por rapidez, algumas mídias com resultado de curto prazo podem ajudar. Mas, lembre-se: é imprescindível ter uma oferta para converter visitantes em leads. As mídias pagas vão gerar visitas, mas o objetivo é oferecer um conteúdo relevante para esses visitantes entrarem na sua base de dados.

3- “Não consigo gerar um conteúdo relevante”

No início pode ser difícil criar pautas que atraiam o seu público alvo. Mas, quando dominamos o ramo no qual trabalhamos, temos muito conhecimento para transmitir.

Se estiver com dificuldade em começar a escrever ideias, siga estes passos:

  • Procure identificar suas personas e o motivo pelo qual elas precisam do seu produto ou serviço;
  • Evite falar apenas dos benefícios do seu produto ou da sua empresa;
  • Exercite a empatia. O que suas personas estão buscando quando abrem o Google?
  • A partir daí, pense em conteúdos que sejam relevantes e dê a eles um formato atraente.

Além de construir conteúdos importantes com os seus conhecimentos, você também passará a fazer pesquisas para falar de novos temas e, assim, aprenderá mais.

4- “Se eu entregar meu conhecimento, ninguém vai precisar dos meus serviços”

Mostrar o seu conhecimento é a melhor forma de ganhar a confiança do público. E isso não trará perda de clientes, muito pelo contrário, pois, apesar de falar sobre os seus serviços, você é que realmente sabe praticá-los.

Ou seja, não deixe de compartilhar seus conhecimentos por medo de “entregar o ouro”, porque esta é justamente uma das melhores estratégias para fazer o seu negócio crescer.

5- “E se as pessoas não visitarem meu site/blog?”

Produzir conteúdos relevantes, gerar ofertas para leads e ninguém ver. Isso é uma preocupação relevante, afinal, você dedica parte do seu tempo e investimento para esta estratégia dar certo. Entretanto, existem muitos casos de sucesso para te motivar, então não desista desta prática que tem ajudado tantas empresas e poderá ajudar a sua também.

Empresas enfrentam dificuldades em todas as fases, desde o início, até mesmo quando está em seu auge. Conte com estratégias simples, como o Inbound Marketing, para te ajudar em todas elas. Compartilhe o seu conhecimento e faça com que ele te ajude a crescer cada vez mais.

Com informações do blog Resultados Digitais

inbound-marketing

Veja como funciona a prática do Inbound Marketing nas plataformas digitais

Conhecido como “marketing de atração”, o Inbound Marketing é uma das estratégias do meio digital mais usadas pela comunicação atualmente. Tem como objetivo conquistar o público alvo com conteúdos por meio de publicações em blogs, redes sociais, email marketing, entre outros.

Independentemente do tamanho ou segmento, qualquer empresa pode usar este recurso, desde que a base seja o conteúdo com assuntos pertinentes e que tragam valor aos seus potenciais clientes.

A estratégia do Inbound Marketing consiste na atração, conversão, fechamento e encantamento e essas etapas se complementam. Veja como funciona cada uma delas:

1- Atração: atrair um determinado público com conteúdos relevantes distribuídos em blogs, redes sociais, e-mails marketing, entre outros canais.

2- Conversão: entregar esses conteúdos relevantes solicitando, em troca, alguns dados pessoais (nome, e-mail, telefone). Isso pode ser feito com CTA’s (call-to-action), landing pages e formulários.

3- Fechamento: o trabalho de Atração e Conversão é propício para fortalecer o fechamento. Note que, se um lead consome seus conteúdos relevantes, existe uma chance muito grande de ser um cliente em potencial.

4- Encantamento: manter o contato, solicitar feedbacks, ofertar novas oportunidades e compartilhar dicas são fundamentais para transformar o seu lead em cliente e defensor da marca.

Por ser mais acessível que o marketing convencional, muitas organizações já aderiram a esta prática. Além disso, o Inbound Marketing possibilita alcançar um público bem maior, mais engajado e disposto a consumir ao que o conteúdo se refere. Quem ainda não usa esta estratégia está ultrapassado no mercado.

Os resultados são comprovados por todas as marcas que já aderiram ao Inbound Marketing. Com uma estrutura adequada para divulgar o conteúdo (blogs, redes sociais, email marketing) e uma meta inicial, com certeza a sua empresa notará crescimento de consumidores em seu site, interessados em seus produtos e serviços. Por isso, se ainda não é adepto a esta prática, corra atrás do prejuízo e comece já.

Com informações do site Próxxima

aumentar-vendas

5 estratégias para aumentar suas vendas

Já falamos diversas vezes aqui no blog o quanto um site é importante para a empresa. Depois do endereço ser registrado na internet, o próximo passo é manter o conteúdo sempre atualizado, com informações sobre os trabalhos desenvolvidos, as novidades do mercado e o que a marca tem a oferecer para o consumidor.

Além de usar esta estratégia para tornar-se referência na área em que atua, o website pode se ser um grande aliado para aumentar suas vendas, já que antes de ir à loja física, muitos consumidores procuram na internet o que desejam comprar.

Aqui citamos algumas estratégias para usar em seu site e aumentar as vendas do seu negócio:

1- Use o site para atrair tráfego

A produção de conteúdo é a melhor estratégia para atrair pessoas para o seu site. Crie materiais a respeito do seu negócio, das novidades do mercado e artigos que esclareçam dúvidas de seus clientes.

E para que as pessoas conheçam a sua página, trabalhe em algumas formas de promoção, como email marketing, mídias sociais, SEO e compra de mídia.

2- SEO

Outro assunto já bastante falado aqui no blog da RZT, as estratégias de SEO otimizam seu site para que a empresa seja encontrada logo nos primeiros resultados dos buscadores. Para que isso aconteça, crie o melhor conteúdo, com as palavras-chave fazendo sentido no contexto e incluídas em posições estratégicas, como no título, legendas, imagens, etc.

3 – Compra de mídia

O SEO é uma forma gratuita de se manter nas primeiras páginas dos buscadores. Entretanto, se você estiver disposto a investir, é possível comprar espaços para anunciar no Google AdWords e Facebook Ads, campanhas de marketing offline e online, entre outras. Apesar do custo, esta estratégia pode aumentar significativamente o acesso ao seu site e, consequentemente, suas vendas.

4- Conversão

Você deve criar situações que chamem a atenção das pessoas que acessam o seu site e estimulem a conversão. Estas ações são chamadas “call-to-action”, que geralmente são botões atrativos que chamam as pessoas para clicarem ali em troca de alguma informação.

O modelo mais famoso ultimamente é a Lading Page. Você oferece algo, como um eBook ou artigo de interesse do usuário e, em troca, ele preenche um pequeno formulário, onde você captura o nome, email, profissão e outro dado que lhe seja útil. Assim, você faz a conversão de leads e conquista mais um email para a sua lista.

5- Mantenha um site profissional e seguro

Inclua em seu site todas as informações a respeito do seu negócio: contato (email e telefone), endereço, “sobre” a empresa, trabalhos já desenvolvidos, produtos com os quais trabalha, etc. Seja o mais transparente possível para passar credibilidade por meio de seu site ao cliente

Após estas dicas, a principal conclusão é a de que você deve inovar sempre no conteúdo do seu site. Invista nas ferramentas que facilitam o trabalho da sua equipe e fique atento às novidades do mercado. Use a internet a seu favor, desbanque a concorrência e aumente o número de suas vendas.

Com informações do blog Resultados Digitais